[Suíça] Consulado francês em Genebra é atacado

genebra

Mandado ao email:

Manifestantes jogaram tinta vermelha na fachada do consulado francês emGenebra, na noite da última quinta-feira (20 de novembro). Os ativistastambém picharam a expressão “Para Rémi” e a sigla “ACAB” (todos ospoliciais são bastardos), como forma de protesto pela morte, em 26 deoutubro, de um ecologista que participava de uma manifestação contra aconstrução de uma represa no sul da França.   Rémi Fraisse, ecologista de 21 anos e estudante de botânica, foi morto naexplosão de uma “granada ofensiva” lançada pelas forças da ordem francesasdurante uma manifestação no local onde está prevista a construção darepresa de Sivens, em Tarn. Trata-se da primeira vítima mortal registradadesde 1986 como consequência da repressão policial contra uma manifestaçãona França.

 

This entry was posted in França, Guerra Social, Memoria Combativa, Suiça. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *