Manual para inutilizar câmeras de segurança

delatar

Recebemos no email a tradução do Manual para inutilizar câmeras de segurança que tínhamos publicado no blog em espanhol aqui: http://cumplicidade.noblogs.org/?p=1205.

Nota de cumplicidade: Agradecemos a iniciativa dxs companheirxs que mandaram sua colaboração ,que vemos necessária particularmente nesse momento de protestos. As câmeras de vigilância são ferramentas que servem ao rastreamento e identificação e agora, se voltaram chaves na perseguição e repressão dxs rebeldes que lutam nas ruas…. Nesse sentido, essas dicas para inutilizar câmeras são importantes de serem posta em prática já que a destruição dessas, além de serem mais uma brecha pela qual o ataque pode surgir, escapando do controle policial que rodeia as cidades de todo o país são uma necessidade para a nossa própria segurança.

Manual para inutilizar câmeras de segurança

Conteúdo

1. Por que destruir circuitos fechados de televisão?

2. Tipos de câmeras

2.1. Câmeras falsas

2.2. Câmeras escondidas

2.3. Câmeras sobre muros

2.4. Câmeras sobre telhados

2.5. Câmeras em postes

3. Métodos de ataque

3.1. Saco plástico

3.2. Adesivos e fitas

3.3. Pistola de tinta

3.4. Apontador laser

3.5. Cortar cabos

3.6. Objetos pesados

4. Preparação

4.1. Trabalhando juntxs

4.2. Mantenha a forma

4.3. Conhecer o terreno

5. Exemplos de anarquistas gregxs

1. Por que destruir câmeras de segurança?

Confie nos seus instintos, mas se necessitas de uma justificativaintelectual, então aí vai: “O olhar das câmeras não recai igualmente sobre todas as pessoas da rua,ele mira principalmente aquelas pessoas estereotipicamente predefinidascomo potencialmente desviantes. Ou sobre aquelas pessoas, que por suaaparência e comportamento, são classificadas como indecentes pelxsoperadorxs. Desta forma, a juventude, especialmente aquela que já estásocial e economicamente marginalizada, pode ser objeto de maiores níveisde intervenção autoritária, assim como de maiores níveis deestigmatização. Em vez de contribuir com maiores níveis de justiça socialmediante a redução dos níveis de vitimização, as câmeras de vigilância sãomeras ferramentas de injustiça à serviço de um policiamento diferenciadore discriminatório.”“… instrumento de controle social e disciplinamento; produção de uma’conformidade antecipatória’; certeza de observar com rapidez desviossociais; compilação de dossiês individualizados da população vigiada.”Fonte: The Unforgiving Eye: CCTV Surveillance in Public Space, por Dr.Clive Norris e Gary Armstrong, do Centre for Criminology and CriminalJustice da Hull University, Reino Unido “O que conseguimos comprovar é que as câmeras de segurança não reduzem ocrime – na verdade aumentou – e também não reduz o medo do crime. O queaconteceu foi um leve aumento na ansiedade.”Fonte: Professor Jason Ditton da Sheffield University, Reino Unido.

2. Tipos de câmeras

2.1) Câmeras falsasEstas câmeras devem ser inabilitadas por induzirem paranoia e medo depunição.“As câmeras falsas incluem lentes e suportes. Usam uma estrutura similarpara que pareçam com uma câmera verdadeira”

2.2) Câmeras escondidasServem para reforçar a vigilância em instalações onde as câmerasprincipais são mais básicas. As câmeras escondidas oferecem uma segundavigilância no caso de que x invasorx desative as câmeras primarias. Estetipo de câmeras são usualmente usadas temporariamente para captaratividades criminais recorrentes.

2.3) Câmeras sobre murosNormalmente estão instaladas fora do alcance de uma pessoa, mas sãoacessíveis a duas pessoas trabalhando juntas. Protegem sobretudopropriedades privadas, mas às vezes também são usadas em espaços públicos.

2.4) Câmeras sobre telhadosNormalmente são câmeras usadas pela polícia para controlar o tráfego, masàs vezes são usadas por instituições e escritórios privados.

2.5) Câmeras em postesUsualmente operadas por autoridades locais para vigiar áreas comerciais eo tráfego de carros.

3. Métodos de ataque

3.1) Saco de plásticoUm saco plástico com cola serve maravilhosamente.É um método barato e tão eficaz como qualquer outra técnica decurto-prazo. Use sacos industriais, pois estes são mais grossos. Às vezesas câmeras que estão sendo reparadas são cobertas, por isso que estatécnica não chama tanta atenção visualmente. Se a câmera pode ser cobertapor um saco sem dificuldade, significa que está ao alcance. Se for assim,não titubeie em destruir o vidro, a lente e demais componentes (feitoisso, não cubra a câmera com o saco: as pessoas precisam ver as câmerasdestruídas para saberem que não servem).

3.2) Adesivos ou fitasCole um adesivo ou uma fita em cima da lente.É uma técnica que serve de treinamento e mostra claramente que a câmeraestá “fora do jogo”.

3.3) Pistola de tintaUse uma pistola de água de criança cheia de tinta.Método rápido, divertido e fácil – extremamente recomendado. Não é precisoescalar com esse método.Podes inutilizar muitas câmeras em pouco tempo (com uma hora de atividadeé possível colocar 10 câmeras fora do jogo muito rapidamente).Não esqueça de levar tinta extra em recipientes plásticos. Também nãoesqueça de tirar as impurezas para evitar que a pistola fique bloqueada.Mire na lente primeiro e depois cubra o resto da câmera e área ao redor.A tinta é retirada facilmente portanto é uma técnica de curto-prazo, masserve também para indicar com clareza onde tem uma câmera.Nós usamos o modelo de pistola Super Soaker 400 – 2000 (versão camuflagempara ações noturnas). Usamos uma mistura de 50/50 de água e tinta deemulsão, com o que pudemos alcançar sem dificuldade alturas de até 4,5metros. Essa mistura obstrui por completo a lente da câmera uma vezaplicada ao alvo. Se prepare para a sujeira, por isso é necessário roupasdescartáveis.

3.4) Apontador laserOs apontadores laser de alta potência podem ser comprados por preçosrazoáveis.Para garantir uma ação eficaz se recomenda lasers de 5mWatt ou mais.Leve em conta que podes danificar tua visão se não apontares bem, ou se ovidro da câmera refletir o laser.Também considere que, em longas distâncias, é difícil manter o laserfixado sobre o alvo.O apontador pode ser instalado em binóculos para aumentar a precisão.Essa técnica não mostra se a câmera está inutilizada, por isso não érecomendada.

3.5) Cortar cabosOs cabos das câmeras podem ser cortados com ferramentas afiadas como asusadas para jardinaria.É necessário se assegurar que a ferramente isola da eletricidade dos cabos.Se deixas os cabos soltos mostrarás às pessoas que a câmera está inutilizada.Além disso, obrigarás a reparar (e pagar) os cabos da câmera.Produz chispas de satisfação.

3.6) Objetos pesadosEscale até o telhado do edifício onde a câmera está montada e deixe cairum objeto pesado como um bloco de concreto.Podes calcular a posição correta se primeiro deixas cair pedras pequanas.A câmera será destruída em uma chuva de chispas.Mas é preciso estar em boa forma para escalar edifícios altos com objetospesados.Leve em conta também a segurança das pessoas que estiverem na rua.Esta técnica não é para iniciantes.

4. PreparaçãoA preparação (treinamento) é essencial não somente para adquirir a formafísica necessária, mas também para adquirir a técnica necessária e parasituações imprevisíveis.

4.1) Trabalhando juntxsConheça bem os teus companheiros (suas habilidade e carências). Também oquanto podem confiar uns/umas nxs outrxs.

4.2) Mantenha a formaNão existe algo como preparo físico demais.Varie seus exercícios, mas o melhor treino é realmente inutilizar as câmeras.“Jogue” no terreno em que atuarás e comece com algo fácil como colocaradesivos.

4.3) Conhecendo o terrenoConheça todos os aspectos do terreno em que atuarás.Explore de dia e de noite.Escale cada árvore, prédio.Explore cada beco, arbusto e túnel.Salte todos os muros, corrimão e cerca.Não use as ruas ou os caminhos (só os cruze em ângulos seguros).Se acreditas que a área é vigiada por helicópteros treina tuas habilidadesde contra-vigilância aérea, ou seja, busque coberturas, guarda-chuvas ebombas de fumaça…

5. Exemplos de anarquistas gregxsVejamos como xs companheirxs na Grécia inabilitaram câmeras de segurança.Vídeos:http://www.youtube.com/watch?v=AVcWKGWPto8http://www.youtube.com/watch?v=4JCtXieRNRghttp://www.youtube.com/watch?v=YK891-tz0BAhttp://www.youtube.com/watch?v=ycc2ZMWoXhQhttp://www.youtube.com/watch?v=LTTM0r79YKAhttp://www.youtube.com/watch?v=xcaJ8fCqs1Ehttp://www.youtube.com/watch?v=ZwHqHheFEEohttp://www.youtube.com/watch?v=E2CNIpvbS6whttp://www.youtube.com/watch?v=WDdAO3crAz4 Fonte: http://camover.noblogs.org/

 

 

This entry was posted in Contra-Informação, Copa do mundo, Guerra Social, Solidariedade. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *