[Chile] Em prisão preventiva xs companheirxs Natalia e Javier formalizados por controle de armas trás o atentado incendiário contra um ônibus do transantiago

Retirado e traduzido de PublicacionRefractario.

No dia 10 de abril 2015 durante o meio-dia o pútrida Fiscalia Sur decidiu formalizar axs companheirxs Natalia Collao e Javier Pino, após mantê-los por 3 dias sequestrados sem cargo nenhum.

Claudio Orellana, um dos- agora celebres- fiscais a cargo dos atentados explosivos e incendiários sinalou na audiência o suposto reconhecimento por parte do motorista contra xs companheirxs, como também uma manhosa investigação de LABOCAR, onde supostamente ter-se-ia identificado hidrocarburos em partes de roupas dxs companheirxs.

A fiscalía finalmente não usou a lei antiterrorista para formalizar axs companheirxs mas se baso una Lei de Controle de Armas, com a acusação de “ colocação e ativação de artefato incendiário em transporte publico.”

O tribunal aceitou o solicitado pela fiscalía e fixou a prisao preventiva contra xs companheirxs, dando um prazo de 90 dias para investigar.

Atualmente xs companheirxs encontram-se em distintos centros de extermínio: Javier na prisão de Santiago 1 e Natalia no centro de extermínio de San Miguel.

Solidariedade Insurrecta con xs companheirxs Natalia e Javier!!

Força, Raiva e Carinho para xs companheirxs tras as grades!!!

This entry was posted in Chile, Guerra Social, presxs, Solidariedade. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *